A saúde financeira da empresa deve ser uma prioridade, afinal, sem isso é impossível investir no crescimento ou mesmo pagar os credores. Para tanto, uma importante ferramenta é o plano de negócios.

Esse plano consiste em um documento que dá mais clareza aos gestores da empresa, informando os objetivos que devem ser alcançados e como isso pode ser contextualizado com o ambiente interno e externo, aumentando a competitividade.

Pensando nisso, elaboramos um guia para você. Hoje, você vai entender com mais clareza o objetivo do plano de negócios, sua estrutura funcional e como ele pode beneficiar a saúde financeira da empresa. Continue a leitura!

 

Objetivo do plano de negócios

 

O plano pode ser construído com diversos objetivos. Se ele foi criado para abrir uma empresa, sua finalidade pode ser de avaliar a viabilidade da ideia ou, ainda, conseguir financiamento externo — com bancos, investidores-anjo ou sócios.

Todavia, se a empresa já existe, o plano tem por finalidade conhecê-la melhor, identificar suas forças e fraquezas e definir como melhores resultados podem ser conquistados no futuro. Além disso, é útil para conseguir financiamentos.

 

 

Estrutura funcional do plano de negócios

 

A estrutura do plano pode variar bastante de acordo com cada empresa, setor ou gestor que o elabora. Não há uma regra que diga o que deve ou não ser incluído, porém, alguns pontos são comuns. Confira:

 

  • sumário executivo;
  • descrição geral da empresa e sócios;
  • análise do ambiente externo (macroambiente e microambiente);
  • análise do ambiente interno;
  • plano de marketing;
  • plano financeiro;
  • projeções financeiras em curto, médio e longo prazo;
  • conclusão.

 

Outro ponto que gera muita dúvida é sobre o tamanho adequado do plano, que também varia muito. Um plano de qualidade pode ser feito com cerca de 30 páginas, já incluindo análises, relatórios e conclusões.

 

Influência na saúde financeira da empresa

 

1. Previsões sistêmicas para curto, médio e longo prazo

 

Realizar previsões financeiras é um desafio, afinal, tudo está mudando rapidamente. Um plano criado hoje talvez não tenha sentido daqui a dois anos. A vantagem do plano de negócios, entretanto, é que ele é feito considerando as variáveis externas.

Desse modo, o plano é muito mais realista do que simples palpites financeiros. Geralmente, apresenta projeções financeiras em curto, médio e longo prazo referentes às saídas e entradas de caixa, deixando claro que o negócio é viável.

 

2. Identificação de “gargalos” financeiros

 

Na gestão, é comum usar o termo “gargalo” para identificar um problema que está atrapalhando os resultados pretendidos, isto é, um impedimento. Existem muitos gargalos financeiros identificados na análise do ambiente interno do plano.

Como exemplo, é possível destacar: absenteísmo dos profissionais, falta de comprometimento com a reutilização de materiais, concessão inadequada de crédito etc. Após diagnosticadas, essas fraquezas podem ser eliminadas.

 

3. Melhoria nos preços e condições de pagamento

 

Para finalizar, um plano bem elaborado também deixa claro se os atuais preços e condições de pagamento estão sendo atraentes para os clientes, além de eficazes para cobrir os custos e gerar lucro para o estabelecimento.

Essa análise é feita com a apreciação dos custos de produção, comparação com a concorrência (técnica chamada de benchmarking) e avaliação da perspectiva de valor dos clientes. Assim, é possível ter uma visão muito mais holística do preço.

Como se pode ver, há diversos benefícios financeiros em montar um bom plano de negócios. Além disso, ele pode ser útil para captar novos sócios ou investidores-anjo que auxiliem na estruturação e crescimento do empreendimento.

Agora você entende a importância do plano de negócio para a saúde financeira da empresa, certo? Então, aproveite para descobrir quais métricas podem ser usadas na empresa para análise interna. Boa leitura!

 

 

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. A solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa

Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂