Trabalho presencial: entenda a melhor forma de fazer o retorno ao escritório

Com o avanço da vacinação e a melhora da situação da Covid-19 em algumas cidades, a dúvida que muitas empresas estão tendo é: retornar ou não ao escritório em modelo de trabalho presencial?

Ao longo desses dois anos houveram alterações drásticas nos principais modelos de trabalho. Empresas como a Pontomais, se viram sem opção a não ser partir para o modelo de trabalho home office. O híbrido por um longo tempo não era uma opção, mas passou a ser… mas quem trabalha com o RH sabe que não é simples o gerenciamento de benefícios e de pessoas em um modelo híbrido.

Por isso, se esse for o caso da sua empresa, vamos te contar qual a melhor forma para fazer esse retorno e como tomar essa decisão sem impactar negativamente a empresa e os colaboradores. 

Bora lá?

Como tomar a decisão sobre o modelo de trabalho 2022?

Alinhamento com as gerências

É extremamente importante alinhar as expectativas, dificuldades e possíveis soluções com as gerências da empresa. Ao criar uma rotina de conversas o RH consegue perceber as dificuldades e facilidades em cada setor, assim como no gerenciamento de pessoas por parte dos gerentes de cada área.

O que aconteceu na Pontomais é que ao longo de 2020 e 2021, o RH criou conversas periódicas com os gestores para entender quais estavam sendo as dificuldades no modelo de trabalho que estavam trabalhando. Houveram setores como o de Produto/Desenvolvimento, que as contratações passaram a ser completamente remotas, e eles se tornaram 100% home office. 

Houve também a percepção de que alguns outros setores, a volta seria necessária ao escritório assim que possível.

A cultura da empresa permite o trabalho remoto?

Cultura da empresa também influência na volta ou não ao presencial. Se um dos valores da empresa é estar unidos uns com os outros, e essa possibilidade não tenha dado certo no remoto, talvez a volta total ao presencial ou pelo menos em períodos pontuais, seja necessária.

É importante que isso seja alinhado com todos e com um espaço de tempo para se prepararem.

Mas o que são as empresas com foco em soluções para recursos humanos? Quais os impactos dessas empresas em nossas vidas e quais as tendências para esse setor? 

Os colaboradores estão propensos a voltar?

É interessante entender a percepção dos colaboradores também com relação à volta ao escritório. Existem perfis de colaboradores que performam melhor quando trabalham de casa, já outros se sentem mais felizes e mais produtivos com o presencial.

Um ótimo caminho é fazer pesquisas internas para entender a aderência e percepção dos colaboradores com relação ao presencial. 

Como organizar o RH para o retorno ao escritório?

O uso de planilhas é imprescindível. É importante:

  • Validar o uso do espaço e lugares disponíveis;
  • Infraestrutura (internet, água, café, cadeiras, entre outros) pronta para receber os colaboradores;
  • Certificar-se de que todos estão cientes da volta e das possíveis escalas se for caso.
  • Garantir a maior parte dos colaboradores vacinados! Esse é um dos itens mais importantes para prezar pela saúde de quem irá retornar ao escritório. O RH pode, por exemplo, lançar uma campanha de vacinação oferecendo algum tipo de benefício para aqueles que se vacinarem e comprovarem. Na Pontomais, foi fornecido o dayoff aos colaboradores que tomaram a primeira e segunda dose da vacina contra a Covid-19. Assim o RH consegue acompanhar a vacinação de todos.

Quais os benefícios do retorno presencial para o RH?

 

Organização financeira

Uma das principais facilitações ao time de RH e DP é a organização financeira de benefícios (Vale Transporte, por exemplo) para quem está retornando 100% ao presencial. Com essa padronização de idas a empresa, o RH consegue prever o valor que terá que depositar para os benefícios de transporte a cada um da empresa.

E para empresas que permanecerão em home office, ou modelo híbrido uma escala para acompanhamento de benefícios e posições no escritório, é uma ótima solução. Dessa forma, é importante entender se já há uma organização prévia, e possivelmente um acompanhamento por planilhar.

REPORT-BANNER

Gestão de pessoas

Estar mais próximos em situações mais pontuais auxilia muito na gestão de pessoas.  O trabalho presencial permite os integrantes do RH estarem presentes para quem está em casa e quem está presencial. 

A troca é mais rápida e a percepção do RH com relação às coisas que acontecem no dia-a-dia é melhor também.

Imagem padrão
Silvana Fernandes
Gerente de RH na Pontomais