Já parou pra pensar em quanto tempo você trabalha todo dia? Agora compare isso com o tempo que você tem para os amigos e para a família. Pois é, o trabalho ocupa boa parte da vida. Por isso que os seus colegas de trabalho se tornam uma família à parte. E se tem que conviver com eles 8 horas por dia, é bom que haja uma boa relação entre gerentes e funcionários. Tanto para o bem da empresa quanto das próprias pessoas.

Alguns têm a ideia antiquada de que o gerente é um “minichefe”, algum tipo de babá, para todos os efeitos, seu inimigo. Mas esse tempo já passou. Isso não é jeito de trabalhar. Qualquer empreendedor hoje em dia já sabe que a relação entre gerentes e funcionários precisa ser saudável para que a empresa progrida.

Não acredita? Dá uma olhada em 4 bons motivos pra mudar de ideia:

 

Sem amizade, sem trabalho em equipe

 

Você se lembra de já ter feito algum trabalho em dupla na escola, odiado completamente a experiência e nunca mais ter se falado com aquele colega, nem mesmo na hora do recreio?

Imagine isso no seu trabalho. Você simplesmente não vai conseguir ter uma reunião produtiva com uma equipe que te vê como um carrasco! Por isso, o melhor é tentar ser amigável, nutrir uma relação de parceria e deixar que as conversas fluam melhor com o tempo.

 

Liderar não é dar ordens

 

Nunca confunda as coisas! Isso acaba com a relação entre gerentes e funcionários.

Você só diz o que os outros devem fazer na medida em que precisam de orientação. Afinal, se todos passaram no processo seletivo, devem ter alguma ideia do que estão fazendo. Não pense que está controlando o trabalho de todo mundo. Você é o auxiliar nesse jogo.

 

 

É preciso confiar para admitir erros

 

Admita, você já teve muitos problemas por não querer reconhecer um erro ou por alguém não ter contado um erro para você. Mas a questão aqui é: se era melhor contar, por que não contou? Simples: medo de reprovação.

Se você não confia em alguém para compreender o seu erro sem te julgar, é mais fácil guardar aquilo e esperar que desapareça. É um péssimo plano, mas é o que seu cérebro prefere. Felizmente, a melhor forma de evitar isso é criar uma relação de confiança. Sem o medo do julgamento, haverá muito menos problemas de comunicação.

 

Se o time sempre muda, não se fortalece

 

Uma consequência da má relação entre gerentes e funcionários é o aumento da rotatividade da equipe. O que é isso? A frequência com a qual alguém é desligado e outra pessoa é contratada para substituí-la.

Alguns setores costumam possui maior rotatividade naturalmente, mas se ela for muito alta, equipe nenhuma terá tempo de se conhecer e aprender a trabalhar em conjunto. Fazer um pequeno esforço para manter uma boa equipe unida pode fazer toda a diferença.

Agora que você já entendeu o poder da boa relação entre gerentes e funcionários, perguntamos: como vai a sua? Conte nos comentários e fique à vontade para fazer qualquer pergunta.

 

 

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. A solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa

Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂