CONTRATE AGORA EXPERIMENTE GRÁTIS

Mudança de turno em shopping centers: Como vencer os desafios?

Como funciona o turno em shopping centers?

Trabalhar em shopping center costuma dividir opiniões. Seja como vendedor em lojas e quiosques, atendente na praça de alimentação ou no corpo administrativo, a mudança de turno e o salário são elementos que fazem as pessoas pensarem duas vezes antes de entrar nesse tipo de emprego.

Por outro lado, as comissões são atrativas para muitos. No entanto, para alcançar as metas e receber valores mais altos, muitas vezes é preciso cumprir longas jornadas de trabalho.

Para se manter dentro da lei, é fundamental controlar a carga horária, seja de vendedores ou de colaboradores ligados à administração. A partir de agora, você vai conferir os principais desafios enfrentados pelos profissionais envolvidos com o setor de RH dessas empresas e como facilitar esse controle. Leia e fique por dentro!

Mudança de turno: direitos e deveres do funcionário e empresa

artigo 468 da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) estabelece que qualquer alteração no contrato só está protegida perante a lei:

  • ao respeitar todas as normativas fixadas;
  • se ambas as partes estiverem de acordo.

Isso significa que, se um colaborador acredita que a mudança de turno pode trazer prejuízos, mesmo que indiretamente, ele pode se recusar a fazer essa alteração. Deve haver um cuidado para que ela não beneficie apenas um lado, seja o do patrão ou do contratado.

 

Evite processos trabalhistas com a Pontomais

 

Desafios dos shoppings e das lojas de roupas

No caso de um ambiente como os shoppings centers, determinadas épocas do ano exigem um funcionamento diferenciado devido ao movimento. É assim, por exemplo, na época de Natal. Essas mudanças não afetam apenas os lojistas e vendedores, mas também os colaboradores do próprio shopping.

É o caso de Mariane Caetano, auxiliar de RH do Shopping da Utilidade Americana: “É desafiador porque é preciso mudar toda a estratégia da equipe. É necessário conversar, fazer reuniões, estar sempre em consenso com eles, e, principalmente, sentir o que os funcionários querem dizer. Tivemos uma mudança de turno no começo do ano que não foi bem aceita, mas agora a equipe já está se adaptando e ficando motivada“.

Segundo a profissional, as festas de fim de ano oscilam entre dias em que o empreendimento fica fechado e outros em que a jornada é dobrada. Por isso, é preciso apostar em um controle de ponto realmente eficiente. A ferramenta ajuda a evitar problemas com a Justiça do Trabalho e contribui para a manter a saúde dos trabalhadores, sem abusar de sua mão-de-obra em troca da lucratividade.

Dentro do quadro de colaboradores da administração do shopping, também é preciso fazer um controle eficiente para as jornadas noturnas. Depois que as lojas fecham, esses empreendimentos contam com as equipes de segurança que protegem o local durante a noite.

No entanto, há uma questão bastante complicada na rotina de um shopping. Você sabia que, oficialmente, a jornada de trabalho de um vendedor de loja em shopping é de 6 horas por dia? Porém, para conseguir bater a meta, muitas vezes é preciso esticar o turno.

A explicação é muito simples: a comissão faz parte da remuneração total dessas pessoas e, quanto a meta não é cumprida, o trabalhador fica sem esse complemento. Ainda, corre o risco de perder o emprego em um eventual corte no quadro de funcionários. Pesado, não é mesmo?

O problema é que, ao mesmo tempo em que a administração do shopping age de maneira justa, muitos lojistas tentam burlar as normas relativas às horas extras e acabam deixando o vendedor a ver navios. Se o funcionário resolve entrar na Justiça para reaver essas horas, certamente esse comércio vai sofrer com as despesas de uma generosa multa trabalhista.

 

Quer uma demonstração de 15 minutos do sistema que economiza 50% do seu tempo em rotinas de Departamento Pessoal e Recursos Humanos? Clique no botão abaixo e um dos nossos consultores entra em contato com você:

meligue-pontomais-2018

Como o sistema de ponto online pode ajudar a rotina

Sabendo disso, Mariane Caetano contratou os serviços da Pontomais para controlar a jornada dos colaboradores: “Antigamente não tínhamos um programa em que era possível programar a folga e o turno do funcionário. A Pontomais facilita esse processo de administração porque oferece várias opções, como horário, turno e cargo”, explica.

Na sua visão, “o principal benefício é a rapidez no fechamento do ponto. Isso é o primordial porque temos facilidade para fechar o ponto e para fazer quaisquer ajustes, como mudança de turno ou de horário”.

Empresas que agem de maneira honesta e transparente, seja qual for o segmento, são recompensadas. Uma equipe satisfeita é capaz de produz belíssimos resultados!

E, se a legislação trabalhista estabelece que a jornada de trabalho deve ser de 44 horas semanais, com apenas 2 horas extras por dia, os gestores devem agir de acordo com essas especificações. É preciso deixar os colaboradores seguros quanto às demissões relacionadas apenas às metas ou estabelecer objetivos reais conforme a carga de trabalho.

O uso do ponto online é fundamental para mostrar que a empresa está disposta a agir com integridade, pagando o que é justo. Além disso, fica protegida de eventuais problemas com a Justiça.

Dicas para ter uma gestão de RH eficiente nesse segmento

Mariane é enfática ao pontuar que os gestores de shopping precisam estabelecer um diálogo sincero: “A comunicação é necessária para sentir o que os funcionários querem dizer e transmitir também o lado da empresa. É preciso que eu e o meu gerente entremos em consenso para passar a nossa informação de modo claro para os funcionários. Assim eles entendem as mudanças quando preciso, por exemplo”.

Ou seja, administradores e lojistas podem efetuar a mudança de turno de acordo com o movimento esperado pelo comércio em algumas datas do ano. O importante é que haja uma remuneração justa e que ambas as partes estejam dispostas a cumprir o acordo. Não porque são pressionadas, mas, porque entendem as necessidades do outro.

Mudança de turno, hora extra, abertura aos domingos e feriados são parte da rotina normal de trabalho e devem ser devidamente controladas para manter a saúde desses colaboradores e evitar problemas com a Justiça.

Faça como a Mariane Caetano do Shopping da Utilidade Americana, entre agora mesmo em contato com a Pontomais e descubra como é fácil se adequar às leis com um controle de ponto eficiente!

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São mais de 7.500 empresas e 150.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. A solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos. Assegura que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa.

 

Controle de Ponto e Gestão de Jornada Pontomais


Lei também:

Controle de jornada: Você está fazendo corretamente? Veja aqui!

Privacy Preference Center