Insalubridade x periculosidade: qual a diferença?

Insalubridade e periculosidade são conceitos parecidos, mas não significam a mesma coisa. Muitas pessoas não entendem bem o motivo pelo qual cada um dos adicionais se aplica ou não em suas funções, tendo dúvidas sobre o valor que aparece na folha de pagamento.

Além de haver diferenças no tipo de perigo que oferecem ao trabalhador, o cálculo do adicional também é diferente para cada caso.

Para esclarecer de uma vez por todas essas questões, este post explicará o que é cada um desses conceitos, quais são as condições de recebimento e como calcular o acréscimo no salário! Vamos lá?

 

Quais são as diferenças entre esses termos?

 

Embora os dois tipos de trabalho sejam semelhantes, eles divergem em alguns pontos importantes.

A periculosidade é definida como aquilo que causa risco direto a vida do trabalhador. Enquanto a insalubridade oferece danos graduais, causando prejuízos biológicos a saúde e imunidade. Outro ponto é que cada uma dessas exposições gera um cálculo de adicional ao salário. Assim, é importante conhecer como fazer cada um.

 

Pontomais 2019

 

O que é periculosidade?

 

A periculosidade acontece quando o emprego submete o funcionário à situações em que ele pode morrer. A exposição à ameaça não precisa ser constante, pois apenas alguns minutos são necessários para ocasionar uma tragédia. Quando atua nessas condições, o trabalhador tem direito a receber um adicional em seu salário.

Situações que apresentam periculosidade ocorrem em contextos em que o trabalhador está suscetível a roubos ou outras espécies de violência. Além desses casos, também são amparados aqueles que trabalham com inflamáveis, explosivos ou energia elétrica.

 

O que é insalubridade?

 

O trabalho insalubre é aquele que expõe o colaborador a agentes prejudiciais à sua saúde. Podemos citar ruídos, calor ou frio excessivos, bem como radiação ou produtos químicos nocivos. Tal contato causa danos em longo prazo para quem passa muito tempo em ambientes com essas características.

As condições de trabalho que geram adicional de insalubridade para o empregado constam em listagem na NR15. Algumas delas são: frio excessivo, agentes biológicos, ruídos contínuos etc.

Leia também: Entenda o que é adicional de insalubridade e quem tem direito

 

Como são feitos os cálculos de periculosidade e insalubridade?

 

Para calcular a insalubridade e a periculosidade deve-se seguir regras estabelecidas por lei, já que são elas que determinam qual a porcentagem de adicional no salário o funcionário deve receber cada caso. Conheça!

 

Cálculo do adicional de periculosidade

 

É possível chegar ao valor do adicional de periculosidade a partir do salário do empregado. Deve-se calcular 30% sob o número bruto. Posteriormente, soma-se o resultado com ele. Dessa maneira, caso o colaborador ganhe 2.000 reais, o adicional é calculado por 2.000 x 30%. Sendo assim, há um acréscimo de 600 reais.

 

Cálculo de adicional de insalubridade

 

O adicional de insalubridade possui seu cálculo pautado no salário mínimo. Outro fator considerado é o grau de insalubridade, que determina qual a porcentagem. Eles correspondem a:

  • insalubridade grau mínimo: 10% do salário mínimo;
  • insalubridade grau médio: 20% do salário mínimo;
  • insalubridade grau máximo: 40% do salário mínimo;

Por exemplo, caso um trabalhador esteja exposto a uma situação insalubre grau máximo e o salário mínimo seja de 937 reais, seu adicional de insalubridade é dado por 937 x 40%. Ou seja, o valor é de 374,80 reais a mais em seus vencimentos.

 

Como otimizar o processo de acréscimo?

 

Para fazer as contas dos valores dos adicionais dos colaboradores, um software pode ser um grande facilitador. A grande vantagem é que, desse modo, você pode evitar erros ao calcular o valor do adicional a ser pago. A automação é muito benéfica para reduzir o tempo gasto em estipular o salário de muitos funcionários.

Entender as diferenças entre insalubridade e periculosidade é essencial para uma gestão de Recursos Humanos correta. Fazer o pagamento adequado à atividade que o trabalhador está exposto é uma forma de garantir os seus direitos. É por isso que, para a empresa, é crucial manter tal questão em dia e nos termos da lei, evitando processos trabalhistas.

Conseguiu aprender mais sobre insalubridade e periculosidade? Acha que nosso artigo foi útil para sua gestão? Se você ficou interessado em saber mais sobre o nosso software entre em contato conosco!

 

Leia também: Relação entre a saúde do trabalhador e a produtividade

 

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. A solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa.

 

 

 

Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂