Gestão de RH: 5 dicas para fazer a descentralização

Existem dois modelos de gestão de Recursos Humanos: centralizado e descentralizado. A gestão de RH centralizada detém mais domínio sobre o controle das atividades, pois tem processos padronizados, uniformidade na comunicação e menos duplicidade nas tarefas. Já a gestão descentralizada oferece mais autonomia aos funcionários, agilidade na tomada de decisão, precisão em suas ações e redução na quantidade de erros.

Entre esses dois modelos de gestão de RH, o descentralizado oferece mais benefícios. Ele cria um ambiente mais propício à inovação, bem como uma gestão mais focada em planejamento e resultados. Desse modo, você adquire melhores condições para visualizar o negócio e entender como o RH pode ser um setor mais estratégico — principalmente no que diz respeito à valorização e ao desenvolvimento de competências.

Continue a leitura e saiba como fazer a descentralização do RH em 5 dicas.

 

1. Adote uma solução tecnológica para capturar dados

 

As melhores decisões são tomadas a partir de fatos concretos, assim, adote uma solução tecnológicaque permita a captura de dados das rotinas básicas de administração de pessoal. Algumas delas, como o ponto, produzem um alto volume de dados, que podem ser disponibilizados para as lideranças (chefes de equipe, supervisores e gerentes). Isso torna a tomada de decisão mais fácil e embasada.

Um supervisor pode acompanhar de perto o horário de trabalho dos seus funcionários. Portanto, a proximidade no dia a dia evita dissabores, como o desconto indevido, pois o ponto pode ser corrigido mais rapidamente caso ocorra uma eventualidade.

 

2. Evite o retrabalho na gestão de RH

 

Outra medida que pode ser tomada para descentralizar a gestão de RH é a adoção de mecanismos que evitem o retrabalho. Dessa forma, incluímos o recebimento de e-mails com as mais diversas solicitações, relatórios de divergências feitos à mão, fichas e formulários preenchidos em Excel e a folha de ponto não digitalizada. Todas essas ações promovem o retrabalho da área de Recursos Humanos.

A padronização dos processos por meio de uma ferramenta tecnológica torna a rotina do RH mais ágil e organizada, além de oferecer dados confiáveis para se basear. Eles servem tanto ao RH quanto às lideranças, incluindo a sua.

 

Teste gratis pontomais 2019

 

3. Reduza o tempo de atendimento do RH nas tarefas com baixo valor agregado

 

Tempo é dinheiro, não é verdade? Portanto, faça com que isso se torne o mantra da área de Recursos Humanos. A adoção de um sistema colabora com esse direcionamento. Existe uma diferença entre ligar para o RH para solicitar uma consulta de informações e checá-las em um sistema para, caso haja necessidade, pedir um apoio da gestão de Recursos Humanos. Isso economiza tempo e dinheiro.

Em vez de ter os funcionários no RH dedicados às tarefas com baixo valor agregado, como a consulta do período de férias de um funcionário, faça com que eles sejam mais analíticos e colaborem com a estratégia dos negócios.

 

4. Descentralize as tomadas de decisão

 

Essa ação não se trata de uma transferência de responsabilidades. Os líderes de equipes devem ter certa autonomia no que tange ao controle dos próprios funcionários. São eles que acompanham de perto o dia a dia de cada profissional. Dessa forma, algumas decisões podem ser tomadas por eles, como o corte do ponto ou a definição do período de férias dos trabalhadores.

Ao RH, cabe a consolidar e executar decisões como essas. Isso torna a rotina de todos ainda mais transparente, pois oferece autonomia para quem precisa.

 

5. Integre a gestão de pessoas

 

Quando são tomadas as ações para descentralizar a administração do RH, isso promove uma integração da gestão de pessoas. Algo extremamente necessário para o sucesso dos negócios. Os líderes de equipe passam a conviver mais com os seus liderados, criando um clima organizacional mais humano e agradável. Desse modo, talentos são retidos.

Gerenciar pessoas não é função apenas da gestão de RH. Todos os funcionários que ocupam postos de liderança devem colaborar, cuidando de suas respectivas equipes. É desse modo que o espírito de equipe é fortalecido, e as pessoas passam a trabalhar cada vez mais motivadas.

Falando em motivação, aproveite para ler esse outro artigo sobre as vantagens e desvantagens do home office. Será que vale a pena aderir?

 

Teste gratis pontomais 2019

 

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. A solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa

Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂