Gerir com eficiência a folha de pagamento pode ser algo bastante complicado quando inexistem ferramentas adequadas. Com tantos impostos, demissões e contratações é preciso estar atento à gestão. Não cair nas armadilhas de problemas financeiros e, até mesmo, em ações trabalhistas.

A folha de pagamento tem grande impacto no orçamento de uma empresa. No entanto, é muito comum que gestores desconheçam o que ela representa no orçamento geral e nas finanças.

Para ajudá-lo na missão de administrar as despesas com folha de pagamento, listamos algumas práticas que devem ser evitadas. Fique atento!

 

Falta de conhecimento sobre as despesas com folha de pagamento

 

Férias, adicional de férias, insalubridade, licenças, horas extras, 13º salário, entre outros encargos e benefícios integram o valor da folha de pagamento das empresas.

Para cortar gastos com folha de pagamento, muitos gestores reduzem o número de funcionários. Perdendo não apenas a eficiência em áreas produtivas, mas funcionários talentosos.

Antes de qualquer decisão, o gestor  deve determinar o custo efetivo da folha de pagamento. Selecionar os colaboradores mais ineficientes passíveis à cortes. Isso evita que os custos sejam subestimados não levando em consideração todos os ônus e encargos decorrentes.

 

Desconhecimento de gastos que podem ser evitados

 

Algumas mudanças na rotina dos funcionários podem reduzir os custos com a folha de pagamento. Por exemplo, a redução do pagamento de horas extras é um dos principais pontos para reduzir o gasto com a folha de pagamento.

É fundamental que o empregador acompanhe de perto a rotina de seus funcionários de forma a conhecer se realmente as horas trabalhadas estão de acordo com a produtividade e as horas extras geradas.

 

 

Contabilização e pagamento incorreto de horas trabalhadas

 

Um dos erros mais comuns no processo de cálculo salarial é o pagamento incorreto de certos benefícios, aumentando o valor da folha de pagamento.

Por exemplo, certos benefícios como vale-refeição ou vale-transporte passam a ser eliminados da folha de pagamento quando o funcionário se afasta, seja por decorrência de doença, férias ou acidente de trabalho. No entanto, muitas empresas não realizam um controle eficiente e continuam realizando o pagamento de tais créditos.

Assim, é importante que haja um controle eficiente das horas efetivamente trabalhadas bem como de todos os benefícios garantidos por lei, uma vez que o colaborador pode se sentir lesado no pagamento e isso gerar ações na Justiça do Trabalho.

 

Não contar com ajuda especializada

 

A melhor forma de reduzir as despesas com folha de pagamento é contar com a ajuda de uma equipe especializada. E o processo terceirização da administração de pessoal vem sendo a solução encontrada por muitas empresas, aumentando a competitividade e permitindo que os gestores dediquem mais tempo às atividades de maior importância.

Através de uma equipe especializada é possível:

 

  • reduzir as despesas com treinamentos e capacitações;
  • equipe técnica especializada, com acompanhamento das legislações vigentes;
  • segurança nos processos, resultados e recebimento das informações no prazo correto;
  • segurança no processamento de folhas de pagamento, entre muitos outros.

 

Quer saber mais? Acesse nosso artigo despesas e investimentos da empresa: como organizar corretamente.

 

 

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. Assim, sendo a solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa

Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂