Você entende como freelancers calculam o preço do serviço oferecido?

Ás vezes é preciso solicitar um serviço para um freelancer e na hora que chega o orçamento… Uau! Estava bem acima daquilo que você tinha pensado. Antes de sair por aí esbravejando a valorização do mercado e o aumento do custo de vida, entenda como freelancers calculam o preço do serviço.

O preço justo de um trabalho leva em conta alguns fatores, como o nível de experiência do contratado e o tempo gasto para realizar o serviço. As regras devem ser bem claras entre o cliente e o freelancer, para que ambos entendam como e o que está sendo negociado.

Para evitar valores fora da realidade e saber quais as regras mais importantes na hora de estipular o valor de um trabalho ou serviço feito por um freelancer, acompanhe o texto e tire todas as suas dúvidas!

 

Freelancers: como vivem, de que se alimentam?

 

O profissional freelancer, assim como o funcionário de carteira assinada, possui gastos estruturais como:

 

  • aluguel;
  • internet;
  • impostos;
  • telefone;
  • plano de saúde e outros.

 

Além disso, ele possui equipamentos atualizados, tempo para pesquisar e se especializar para continuar atuando no ramo.

O cálculo da produção de um trabalho depende, portanto, da média dos valores de mercado cobrados em sua área, que leva em conta a base por categoria e o custo de vida da região em que ele está.

 

Como freelancers calculam o preço por hora?

 

A base para o cálculo de quanto vale um serviço é o seu valor por hora trabalhada. Esse tópico pode ser muito amplo, a exemplo de grande variação dentro das próprias categorias. Um profissional do design pode ganhar de 23 a 113 reais por hora de trabalho. Já o pessoal de marketing fatura cerca de 25 a 97 reais a hora.

Para um cálculo justo, o profissional deve pegar os rendimentos mensais necessários para viver e dividir pelo número total de horas trabalhadas — sempre levando em conta uma rotina diária de 8h/5 dias úteis na semana.

Com esse exemplo, se o custo do freela é de 3 mil reais ao mês, sua hora custa cerca de 19 reais.

 

E os cálculos de horas extras?

 

Qualquer profissional contratado deve lidar com a possibilidade de imprevistos e demandas extras. Principalmente nas áreas de design e de redação, é bastante comum alterações pedidas de última hora. Como lidar com isso sem que vire uma panela de pressão?

O valor da hora extra deve corresponder a hora cheia mais 50% do valor. Por exemplo, se a hora do freelancer vale 19 reais, a hora extra vale 28 reais. Esse valor deve ser passado ao cliente, quando ele solicita algo que está fora do contrato inicial.

 

 

Teste gratis pontomais 2019

 

Que tal usar uma calculadora freelancer?

 

Para deixar esse cálculo ainda mais dinâmico, clientes e profissionais podem utilizar uma calculadora voltada a facilitar a contabilização das horas trabalhadas. Assim, ambos lados podem ter uma base comum também para negociação!

O bom jogo é onde todos saem felizes, e com certeza isso reflete na produção e na qualidade do trabalho.

Agora que você já sabe como os freelancers calculam o preço, conte para a gente as vantagens de se contar com este tipo de profissional! Deixe o seu comentário e vamos manter o diálogo!

A Pontomais é líder no mercado de Controle de Ponto e Gestão de Jornada. São de 5.000 empresas e 110.000 usuários em toda América Latina. Uma plataforma simples, econômica e segura. Assim, a solução mais moderna e inovadora para diminuir os processos burocráticos e assegurar de que as empresas estejam DENTRO DA LEI. Não perca tempo, CLIQUE AQUI, conheça a Pontomais e venha Rhevolucionar a gestão da sua empresa
Entre em contato conosco para conhecer nossos produtos e serviços. Até breve 🙂

 

Teste gratis pontomais 2019